Seleção de site

Caught in the Storm
Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Sobre o autor: Guilherme Teles é um cara qualquer que não dorme direito e acaba escrevendo. Sou Certificado CISSP, CHFI, CEH, LPIC-3, AWS CDA, AWS SAA, AWS SOA Quer assinar a newsletter do site e receber esse e outros artigos? Clique aqui! Aproveite e navegue pelo smeu blog. Quem sabe você não está exatamente precisando de uma ajuda ?  

A seleção do site deve ser baseada nas necessidades de segurança da organização. Custo, localização e tamanho são importantes, mas abordar os requisitos de segurança deve sempre ter precedência.

Ao escolher um site no qual construir uma instalação ou selecionar uma estrutura preexistente, certifique-se de examinar cuidadosamente cada aspecto de sua localização. Protegendo ativos depende em grande parte da segurança do site, que envolve inúmeras considerações e elementos situacionais. A localização e a construção do local desempenham um papel crucial no processo de seleção de sites. Suscetibilidade a tumultos, pilhagens, arrombamentos e vandalismo ou localização dentro de uma área de alta criminalidade são obviamente todas más escolhas, mas nem sempre podem ser ditadas ou controladas.

Ameaças ambientais, como regiões de tornados, furacões e a proximidade com outros desastres naturais apresentam problemas significativos para o processo de seleção do local também. Porque você não pode evitar essas ameaças. Proximidade de outros edifícios e empresas é outra consideração crucial.  Que tipo de atenção eles atraem, e como isso afeta sua operação ou facilidade? Se os negócios próximos atraem muitos visitantes, geram muito ruído, causam vibrações ou lida com materiais perigosos, eles podem prejudicar seus funcionários ou edifícios. Próximo ao pessoal de resposta a emergências é outra consideração, juntamente com outros elementos.

Algumas empresas podem comprar ou construir seus próprios sites para manter os elementos vizinhos fora de jogo e para permitir um controle de acesso e monitoramento mais controlado. No entanto, nem todas as empresas podem realizar essa opção e precisam se contentar com o que está disponível e acessível.

No mínimo, certifique-se de que o edifício foi projetado para suportar condições meteorológicas razoavelmente extremas. Condições essas que podem deter ou afastar as tentativas de invasão. Pontos de entrada vulneráveis como janelas e portas tendem a dominar essa análise, mas você também deve avaliar objetos (árvores, arbustos ou itens relacionados) que podem obscurecer as tentativas de invasão.

Sobre o autor: Guilherme Teles é um cara qualquer que não dorme direito e acaba escrevendo. Sou Certificado CISSP, CHFI, CEH, LPIC-3, AWS CDA, AWS SAA, AWS SOA Quer assinar a newsletter do site e receber esse e outros artigos? Clique aqui! Aproveite e navegue pelo smeu blog. Quem sabe você não está exatamente precisando de uma ajuda ?  

Conteúdos relacionados

All articles loaded
No more articles to load

© 2019 GRRP Tech. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Upsites